Como escolher o bairro certo para morar?

10/05/2019 Conheça seu bairro

Capa do artigo: Como escolher o bairro certo para morar?



Na hora de comprar o imóvel dos sonhos, ele precisa preencher uma série de requisitos importantes. Afinal, não é só o tamanho, estrutura e valor que importam.


Fatores como vizinhança, mobilidade e segurança do bairro, são essenciais para que o sonho da casa própria não vire um verdadeiro pesadelo.


Se você não quer errar nessa escolha, então fique atento às 5 dicas essenciais que a Rezende Imóveis preparou para você escolher o melhor bairro.


1.  Conheça a sua rotina



Pensou no imóvel ideal? O que existe nele? Garagem espaçosa, número adequado de quartos e ambiente arejado? Imagine a casa ou apartamento dos seus sonhos.


Idealizar o imóvel ideal não é muito difícil, não é mesmo? O problema é adaptar todos esses desejos às suas necessidades diárias. Ou seja, a sua rotina. Afinal, de nada adianta o empreendimento perfeito se ele fica em uma localização desfavorável para você realizar tarefas importantes do seu dia a dia, como por exemplo, ir para o trabalho ou levar os filhos na escola.


Por isso, a primeira dica é mapear os lugares que seriam mais indicados para a sua rotina. Aqui você vai pensar em questões como tempo de deslocamento, proximidade e meios transporte.


2. Mobilidade urbana



Pensando no transporte e adaptação à rotina, chegamos a questão da mobilidade. Como mencionado, proximidade é importante. No entanto, nem sempre é possível morar perto do epicentro, onde acontecem as principais atividades de seu cotidiano. E nem sempre é o seu desejo, afinal, muitas vezes esses locais são agitados e para quem busca tranquilidade, podem não ser a melhor opção.


Por isso, a dica é: procurar por bairros que possuam uma boa estrutura em transporte público, com pontos de ônibus próximos ou ciclorrotas, além de métodos que favoreçam os fluxos de trânsito e circulação.


3. Conveniências locais



E bairros afastados dos grandes centros comerciais, não precisam significar isolamento. Muito pelo contrário, podem ser sinônimo de autossuficiência. Por isso, busque por áreas funcionais, ou seja, que possuem supermercados, academias, comércios e outras facilidades por perto, oferecendo para você uma maior qualidade de vida.


Desse jeito, a sua vida se tornará muito mais cômoda, e você poderá utilizar o seu tempo livre para atividades mais prazerosas.


4. Segurança



Ninguém quer se mudar para um local violento ou com baixa segurança, não é mesmo? Por isso, pesquise os dados relativos ao índice de violência da região. Observe também como é o policiamento do bairro, a iluminação da rua ou se existem alternativas de segurança, como o patrulhamento de empresas privadas ou vizinhança.


Outro ponto importante, principalmente para apartamentos, verifique a existência de uma portaria 24h, com porteiros e câmeras de vigilância. Essas medidas reforçam a segurança do local.


5. Descubra as suas preferências


Entender o seu perfil é a melhor maneira de encontrar a vizinhança ideal. Afinal, dificilmente uma pessoa caseira, que detesta barulho, vai se adaptar a um bairro com muitas festas, por exemplo.


Por isso, observe o comércio local e a vizinhança. Se você busca por tranquilidade, bairros boêmios ou com intensa vida noturna não são os lugares ideais para você. Da mesma maneira, que alguém que gosta muito de sair de casa à noite ficará pouco à vontade precisando percorrer longas distâncias sempre que desejar se divertir.


Defina o que você espera do bairro onde pretende morar, desta forma, fica muito mais fácil acertar na escolha.



Gostou das dicas? Então que tal colocar em prática? Aqui na Rezende Imóveis nós temos diversas opções de compra, uma delas no bairro ideal para você. Confira: http://bit.ly/2DXwm9F