Os riscos de se comprar um imóvel direto com o proprietário

03/08/2018 Compra de Imóveis

Capa do artigo: Os riscos de se comprar um imóvel direto com o proprietário

Comprar ou vender um imóvel é um tipo de negócio que não se faz da noite para o dia. Por ser um processo mais complexo que exige uma atenção maior de ambas as partes, contar com um suporte profissional e especializado nessas horas é fundamental.


No entanto, há pessoas que preferem tratar diretamente com o proprietário, muitos, inclusive, quando anunciam uma venda destacam essa informação como um diferencial. Mas será mesmo vantajoso comprar um imóvel sem o intermédio de uma imobiliária?




Um argumento sempre exposto é a isenção da taxa de corretagem, mas ao tentar economizar nesse ponto você pode comprometer todo o seu investimento em uma negociação que pode ser incerta, insegura e que poderá lhe trazer prejuízos no futuro.


Entenda os riscos

Antes de fechar qualquer tipo de negócio imobiliário “sozinho” conheça os riscos que você corre.


Golpes


A aquisição de um imóvel geralmente é um dos maiores investimentos que uma pessoa faz na vida, por isso, deve-se ter muita cautela e paciência antes de assinar algo. Os casos de golpes aplicados nesse tipo de mercado são altos, principalmente quando envolve duas pessoas desconhecidas. Por mais que pareça tudo certo à primeira vista, você corre riscos e o prejuízo pode abalar toda a sua vida financeira.


Supervalorização do preço


Essa é uma discussão que pode gerar um desgaste e um estresse desnecessário, principalmente quando você está negociando com amigos ou familiares. Cada imóvel tem as suas particularidades que apenas um corretor de imóveis habilitado pode avaliar com propriedade o preço. Com uma imobiliária, o comprador paga o preço justo, dentro de um contexto financeiro do mercado, sem supervalorização. Saiba 5 fatores que influenciam no preço do imóvel.



Dívidas antigas


Antes de fechar uma compra, esteja ciente de todas as dívidas ou contas pendentes relacionadas ao imóvel. O proprietário pode omitir essas informações ou não querer apresentar os documentos, deixando sempre para depois. Dívidas de IPTU e condomínio são comuns, por isso, desconfie sempre. Quem conta com a ajuda de um corretor não tem essas dores de cabeça, visto que o profissional faz todo esse trabalho de verificação do imóvel.


Leia também:


Como é calculada a taxa de condomínio?

Por que 2018 é o ano certo para você investir em imóveis?

Como funciona a permuta de imóveis



Documentação irregular


O processo de compra e venda de um imóvel é bastante burocrático, envolve muitos documentos, certificações, contratos que demandam tempo para serem reunidos, analisados e que geram custos para o seu bolso. Uma pessoa leiga na área dificilmente conseguirá juntar tudo isso e entender cada documento sem dúvidas. Você deve ter certeza de que quem está te vendendo o imóvel é realmente o proprietário do espaço em questão. A falsificação de documentos hoje também não é algo raro de se ver, os riscos são grandes. Veja aqui Como regularizar o seu imóvel.



Esses são apenas alguns exemplos de problemas que uma pessoa está sujeita a passar ao negociar um bem sem a orientação de uma imobiliária. Por que escolher algo incerto se você pode tornar todo esse processo mais simples e prático? A figura do corretor existe justamente para assessorar as transações de compra e venda de imóveis.


A Rezende Imóveis conta com uma equipe especializada no mercado imobiliário pronta para te ajudar a fechar o melhor negócio que irá atender às suas necessidades. Consulte um de nossos corretores e tire suas dúvidas.